Balanço das ações para preservação ambiental em Rondônia será apresentado pela Sedam, na COP-27

 

Sedam apresentará um balanço das principais políticas públicas de preservação ambiental em Rondônia

Porto Velho, RO - Com o objetivo de fomentar o desenvolvimento econômico de forma sustentável e garantir a preservação dos recursos naturais, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental – Sedam, está participando da cúpula internacional do clima; 27ª Conferência da Organização das Nações Unidas – COP-27, em Sharm el-Sheikh, no Egito.

O evento está acontecendo no Centro Internacional de Convenções da cidade desde o dia 6 e segue até 18 de novembro, e contará com a participação do Estado nos painéis e reuniões para a apresentação dos resultados das políticas ambientais realizadas pela gestão estadual, nos últimos anos. Além disso, a Sedam apresentará um balanço das principais políticas públicas de preservação ambiental em andamento.

O Estado de Rondônia adotou a combinação de políticas de comando e controle com a política de incentivos positivos para o uso sustentável dos recursos naturais do Estado. Neste quesito, as ações e projetos da Sedam são instrumentos que visam fomentar o desenvolvimento econômico do Estado de forma sustentável.

Além das ações de Bioeconomia de Redução de Emissões de gases de efeito estufa provenientes do Desmatamento e da Degradação florestal – REDD+, Rondônia mantém um mercado de carbono voluntário, que já beneficia 100 famílias. Cada uma recebe em média um salário mínimo por mês como Pagamento por Serviço Ambiental. Os contratos já vigentes têm duração de 30 anos.

De acordo com o secretário de Estado de Meio Ambiente, Marco Antonio Lagos, a Sedam segue até o dia 18 próximo, com a missão de demonstrar que Rondônia vem promovendo ações para o enfrentamento aos desafios ambientais e climáticos do planeta.

Durante a conferência, a Sedam vai apresentar os esforços promovidos para a diminuição do desmatamento e queimadas ilegais e, também, as práticas ambientais para fomento da bioeconomia no Estado, bem como, a integração dos planos federais, estaduais e municipais. São medidas inovadoras de sustentabilidade que promovem equilíbrio entre os objetivos do desenvolvimento econômico, desenvolvimento social e a conservação ambiental.

Entre as ações estão, por exemplo, os projetos de REDD+ na Resex Rio Preto Jacundá e na Resex Rio Cautário, que visam contribuir à mitigação das mudanças climáticas, por meio da redução do desmatamento ilegal, da conservação e recuperação dos ecossistemas florestais e do desenvolvimento de uma economia florestal sustentável de baixo carbono.

O Projeto Recuperar, que tem por objetivo, a recuperação e proteção das nascentes e APPs para a manutenção e reavivamento dos cursos hídricos nas áreas rurais degradadas por ações antrópicas.

Dessa forma, o Estado visa demonstrar através de painéis, o avanço do Projeto: Paisagens sustentáveis da Amazônia, que têm por finalidade promover a sustentabilidade dos sistemas de áreas protegidas, a fim de reduzir as ameaças à biodiversidade, aumentar o estoque de carbono, desenvolver boas práticas de manejo florestal e fortalecer políticas e planos voltados à conservação e a recuperação de áreas degradadas.

COP-27

A Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas 2022, COP-27, está acontecendo desde o dia 6 e vai até 18 de novembro, em Sharm El Sheikh, no Egito. O evento tem como objetivo discutir e apresentar as ações que estão sendo realizadas pelos países que influenciam positivamente na preservação do Meio Ambiente e mitigação das mudanças climáticas.

Estarão presentes no evento, o secretário da Sedam, Marco Antonio Lagos; a Assessora de Governança Climática, Letícia Pereira de Andrade e o coordenador estadual de Unidades de Conservação – CUC, José Antônio Sepeda Silva.

AGENDA COP-27

9 de novembro (quarta-feira)

Painel 1 – Políticas e Instrumentos para uma Economia Verde no Estado de Rondônia

Sessão 1 – Paisagens Sustentáveis do Estado, 15h às 16h (horário local), no estande do Consórcio Amazônia Legal, no pavilhão C. Apresentação com o coordenador de Unidade de Conservação da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Ambiental – Sedam, José Antônio Sepeda Silva.

Sessão 2 – Estratégias de Financiamento Climático do Estado, 16h15 às 17h15 (horário local), no estande do Consórcio Amazônia Legal, no pavilhão C. A assessora de governança climática da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Ambiental – Sedam, Letícia Pereira de Andrade, apresenta as políticas de governança e o sistema de instrumentos climáticos de Rondônia.

O painel será transmitido ao vivo no canal do Consórcio Amazônia Legal no YouTube. (https://www.youtube.com/channel/UCE_Gf-kfNPTdVzUIBYlCTTQ ), onde a apresentação ficará disponível.


Fonte: Secom - Governo de Rondônia

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem