Médico brasileiro morre em avião a caminho da lua de mel nas Maldivas

O médico Amazonense Glauto Tuquarre, de 49 anos, morreu em um avião, quando viajava para a lua de mel com a esposa

Porto Velho, RO - O médico Glauto Tuquarre morreu, aos 49 anos, enquanto viajava de avião, em comemoração da lua de mel, com destino às Maldivas na madrugada desta segunda-feira (25). A suspeita dos familiares é de que a causa tenha sido um infarto.

O casamento entre Glauto e a publicitária Lícia Dutra Tuquarre aconteceu no sábado (23), em Teresina, Piauí. Os dois estavam no avião quando Glauto começou a passar mal e não resistiu, apesar da assistência de médicos à bordo.

O avião pousou em Doha, capital do Catar, às 10h20, horário de Brasília, para uma conexão que estava prevista.

O corpo deve ser trazido ao Brasil em breve. Ainda não há detalhes quanto à transferência.

Glauto Tuquarre

O amazonense Glauto Tuquarre era especializado em oncologia, e formado pela Universidade Federal do Piauí (UFPI). Atuou em Roraima e no Maranhão, onde também foi professor da Universidade Estadual, além do Piauí.

O mestrado que tinha era em câncer de intestino, além de ser doutorando em recidiva do câncer de mama, retorno da doença após o paciente ser considerado curado.

Em Teresina, o médico era sócio de uma clínica e já atuou como professor de faculdades de medicina da cidade.


Fonte: Diário da Amazônia
Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem