Ampliação do Sistema de Abastecimento de Água em Ji-Paraná avança com a chegada de decantadores

 

Chegada dos decantadores para Ampliação da Estação de Tratamento de Água em Ji-Paraná

Porto Velho, RO - O município de Ji- Paraná passará a contar, em breve, com o novo cenário no abastecimento de água. Isso devido às obras de ampliação da Estação de Tratamento de Água – ETA que avançam com a chegada dos decantadores, equipamentos que irão compor a estação.

A instalação dos decantadores dará mais celeridade à conclusão de toda a obra, garantindo o fornecimento de água para todos os moradores do primeiro e segundo distrito.

A obra está sob execução e gerenciamento do Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado de Obras e Serviços Públicos – Seosp. O titular da pasta, Erasmo Meireles e Sá verificou de perto a chegada dos equipamentos e se reuniu com a equipe técnica. Na oportunidade, destacou sobre a relevância da obra robusta que irá trazer benefícios aos moradores.

“Sem dúvidas, uma importante obra para o município executada pelo Governo de Rondônia, que irá resolver um grave problema recorrente na cidade, que é a intermitência do abastecimento. Ou seja, o aumento da vazão de abastecimento de água. Com isso, todo cidadão terá sua residência abastecida, diariamente, sem interrupção.

Tudo está sendo executado conforme as determinações do governador Marcos Rocha, primando pela melhoria na saúde e conforto da população. É importante ressaltar, também, a cooperação do prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca, em todas as ações do Governo de Rondônia”, salientou Meireles.

NOVO CENÁRIO

Equipe técnica da Secretaria durante reunião de alinhamento dos trabalhos da ETA

De acordo com o gerente de Engenharia, Infraestrutura da Seosp em Ji – Paraná, Naare Corrêa Silva, a obra vai proporcionar o aumento no abastecimento de água de mais 120 litros por segundo, levando mais qualidade de vida à população do município, pontuou.

O abastecimento de água tratada de Ji-Paraná é promovido pela Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia – Caerd, responsável pela operação da Estação de Tratamento de Água – ETA, com capacidade de vazão nominal de 340 litros por segundo.

“Ocorre que, devido ao crescimento do município, a estrutura atual da ETA existente não possui capacidade de vazão suficiente para o abastecimento diário a todos os bairros do município, em que observamos a ocorrência de abastecimento intermitente, dia sim e dia não, em alguns bairros, principalmente no 2° distrito da cidade. Com as obras de ampliação, este cenário vai mudar, proporcionando grande benefício para todos”, pontuou.

SOBRE A OBRA

Os trabalhos seguem com 33,46% de execução realizada. A ETA, montada e instalada está orçada em cerca de R$ 3,8 milhões (três milhões e oitocentos mil reais). A obra, em sua totalidade, que compreende a instalação da ETA, ampliação e melhoria de rede, terá o investimento de R$ 19 milhões (dezenove milhões de reais).

Os decantadores foram fabricados em Belo Horizonte (MG) e são responsáveis por separar, por meio da gravidade, os sólidos sedimentáveis contidos na água captada. Os sólidos sedimentam no fundo do decantador de onde acabam sendo removidos como lodo, enquanto o efluente, livre dos sólidos, decanta pelo vertedouro.


Fonte: Secom - Governo de Rondônia

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem